“Hora Marcada” ou “Consulta” ou “Diagnóstico”

                                                                                                                                                                                                                                                                                              (Raissa Lopes)

Agora era hora de se desculpar. O perdão descansava ali na frente. Sentava, fazia hora, esperando a sua vez. Sua vez chegou. Mas atrasei a dor. Errei a sala. Ela estava sob minha responsabilidade. Falhei. Ela me foi gentil. Disse que eu não tinha culpa, que eu não me cobrasse tanto, que aquela dor já ía passar.

Passou o tempo. Agora era hora de se voltar pro Sol e sentir a luz. Sorver a luz. Que a luz logo logo vai faltar. Me preparei tantas vezes. Separei tudo que era necessário, mas separei demais. Separei o momento da prece e com pressa o breu nos engoliu.

A prece me trouxe fé – ou o contrário -, a prece me sorriu. Era hora de desocupar. Desocupar a mente e a alma. Ela ora pra Deus ocupar sua vida com menos pressa, um pouco mais de calma. A cura chega alguma hora, assim como a enfermidade. Tão efêmera…

Calma a dor vem…e vai…bate e volta, lenta e cíclica como uma onda insistente insiste em quebrar…e se reerguer.

Agora era hora de quebrar…

se reerguer só depois.

Anúncios

Um comentário sobre ““Hora Marcada” ou “Consulta” ou “Diagnóstico”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s