Distração

Estreito meu senso

 Intenso meu tempo

 Perdi o abrigo

Sugeri novo Sol

Meu mar me calou

 Me pôs pra dormir

Eu que falo demais

Eu que corro atrás do fim

 Escasso meu vento

 Soprei sem medir

Minha calma é alento

 A calma que esquecida, perdi.

Refiz meu abrigo

 No cais que encontrei

Que brisa soprou fora de hora eu não sei.

 Mas soprou.

Brincou com meus cabelos

 Arrancou minhas decisões

Estancou meu canto correnteza

Cansei de brincar.

( Raissa Lopes)

Anúncios

4 comentários sobre “Distração

  1. Meu Deus, Roli!Você fica cada vez mais refinada e prova que se há muitas coisas que não conseguimos entender há ainda mais coisas que podemos que sentir.
    bj!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s